Arquibancada Palestrina

Um blog de Palmeirense de arquibancada

Pós-jogo do Sofá: PALMEIRAS 3 X 0 Náutico, SUBINDO…

Por João Malaia

O Palmeiras é outro time! Joga trocando passes rápidos e qualquer jogador que entra está dando conta do recado. Hoje, o time inteiro jogou bem. Daqui do sofá não dá para ver muitas variações táticas, mas uma que achei interessante acontecia quando o Palmeiras estava sendo atacado. Por vezes, no 2º tempo, quando Arthur entrou no lugar de Cicinho, Henrique recuava para compor uma linha de quatro zagueiros, formada pelo lateral, Leandro Amaro, Henrique e Wellington. Mais à frente, João Vitor e Fernandinho davam combate às subidas pelas laterais e Márcio Araújo e Mazinho tentavam desarmar pelo meio. Valdívia e Obina ficavam de prontidão para o bote no contra-ataque, assim como os quatro jogadores da linha média mais Henrique.

Não dá para ter destaques no jogo. Todo mundo jogou muita bola. Todo mundo correu. Está todo mundo de parabéns.

É pena que estamos a 18 pontos do líder. Tenho uma hipótese que em campeonatos de pontos corridos, dá para tirar em média um ponto por rodada. Se ainda faltam 27 para o final do Brasileiro, daria para tirar a diferença. Ainda se pensarmos que o Galo tem o “fator-Cuca”, que nos dá uma tranquilidade de que o time vai dar aquela azedada do meio para o fim. Mais: vamos jogar duas vezes contra praticamente todos que estão à nossa frente.

No entanto, nosso campeonato é outro. Neste segundo semestre, eu repito: o foco é a Copa Sul-Americana. O Palmeiras precisa levantar esse caneco. Pessoal, imaginem, seria perfeito. Com a Sul-Americana, ficaríamos fortes demais para a Libertadores e ainda disputaríamos a Supercopa com o lixo.

Em um post anterior, antes do jogo com o SPFW, abordei o que teríamos que fazer para pegar o Botafogo tranquilo, longe da zona de rebaixamento, dia 1/8. Seriam cerca de 10 pontos em 5 jogos. Três se passaram, fizemos 5, e com autoridade, jogando futebol de gente grande, todo desfalcado e remendado. Faltam dois jogos antes da estréia. Bahia, em Barueri, e Cruzeiro, fora de casa. Duas vitórias seriam excelentes. Mas, pelo menos, com o Bahia, não podemos deixar escapar.

Eu penso nesses jogos, mas eu penso mesmo é na Sul-Americana, amigos! Obsessão! Nossa torcida tem que empurrar esse time para a gente disputar a Recopa com os lixos!

Nosso próximo adversário estréia Seedorf agora. Quero ver um pouco do jogo. Mais tarde, um pós-jogo da arquibancada, com Marcelo Ricci , que, para variar, foi no jogo.

Para o time do Palmeiras: nota dez. Todos, dez.

No Náutico: Felipe, mão de alface; Lúcio, tu é feio demais e num joga nada mesmo; Kieza, quem?; Araújo, mano que cabeleira horrível essa, hein?

Para finalizar. Estão soltando fogos aqui no Rio porque o Seedorf entrou em campo. Brincadeira!

PFC que desrespeito do caralho com quem paga essa merda de pay-per-view que vocês inventam. A pior qualidade de imagem de transmissão de uma partida de futebol que eu já vi, desde a invenção da televisão colorida. Acho que até a preto e branco era melhor. PELO MENOS DAVA PARA VER QUEM ERAM OS JOGADORES!

@ArqPalestrina

Anúncios

Deixe um comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em julho 22, 2012 por em Pós-Jogo do sofá.

(Publicidade Gratuita até 20/05/14) #AvantiBasqueteSEP

@ArqPalestrina

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

%d blogueiros gostam disto: